Web Analytics
13°C 28°C
Ipatinga, MG

Operação da PF Investiga Fraude Bilionária Envolvendo Ex-Diretores da Americanas

Os principais alvos da operação, ex-CEOs do grupo Americanas-B2W, estão foragidos no exterior

27/06/2024 às 15h35
Por: Redação
Compartilhe:
Operação da PF Investiga Fraude Bilionária Envolvendo Ex-Diretores da Americanas

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quinta-feira (27) a Operação Disclosure, que investiga ex-diretores da Lojas Americanas por supostas fraudes contábeis que resultaram em um rombo de R$ 25,3 bilhões. A ação, que conta com o apoio técnico da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e a participação de 80 agentes, cumpre dois mandados de prisão preventiva e 15 de busca e apreensão nas residências dos ex-executivos no Rio de Janeiro.

Continua após a publicidade

Os principais alvos da operação, ex-CEOs do grupo Americanas-B2W, estão foragidos no exterior e foram incluídos na lista de Difusão Vermelha da Interpol. A investigação busca esclarecer a participação dos ex-diretores no esquema fraudulento, que teria origem em contratos de bonificação com lançamentos artificiais. Além das prisões e buscas, a Justiça Federal ordenou o sequestro de bens e valores dos ex-diretores, totalizando mais de meio bilhão de reais.

Continua após a publicidade

Os ex-diretores são suspeitos de praticar fraudes contábeis em operações de risco sacado e contratos de verba de propaganda cooperada (VPC), contabilizados sem existirem. Os crimes investigados incluem manipulação de mercado, uso de informação privilegiada, associação criminosa e lavagem de dinheiro, com penas que podem chegar a 26 anos de reclusão.

Continua após a publicidade

A atual diretoria das Americanas está colaborando com as investigações. Em nota, a empresa declarou sua confiança nas autoridades e ressaltou que foi vítima de uma fraude cometida pela antiga diretoria, aguardando a conclusão das investigações para responsabilizar os envolvidos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Publicidade
Publicidade
Publicidade